Fábia Silvestre, Poemas

Recado a Leminski

Em dias amargos
Repletos de
Profundidades
Seriedades
Eternidades

Preciso de ti

Para recuperar
Minha insanidade
Minha insana idade
Minha idade
Minha cidade

Onde me vivo
e me perco
Onde moro
Onde me encontro
E morro
E reencontro
Mocidade
Moça idade
Moça cidade

Lugar
Na Infinitude
Amplitude
Da desatitude

Meu fundo
De mundo
Meu fim
Onde cabem
Meu eu e o que sobra de mim

Sim
Preciso de ti

Fábia Silvestre

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s